54.

     Estava muito intrigado pela ideia de que uma pessoa só pode descobrir seus aspectos positivos se encontrar alguém que as revele. A gente se torna melhor vivendo para alguém. Ao lutar, Maria descobre a humildade. Fiz vários filmes depois de Confiança e todos eles mostram a mesma coisa: pessoas que se educam a si mesmas, como Maria. Insisto muito nessa necessidade de conhecimento e também sobre a humildade. Deveríamos nos lembrar de que não sabemos tudo e que é impossível aprender tudo. Mas, apesar disso, a luta para saber é essencial. Essencial para mudar seu mundo e para aliviar a dor.
     Faço filmes para estudar como as pessoas tomam decisões. Para mim é a única definição válida da moral. Não se pode escapar a considerações éticas quando se tenta simplesmente olhar para a maneira pela qual as pessoas tomam decisões. A ética se resume realmente a isso, a partir de certo ponto.
     A única coisa sobre a qual todas as religiões estão de acordo é que nada mudará enquanto os seres humanos não se erguerem acima de seu egoísmo. Aqui, uma garota sofre por causa de seus erros, de ideias erradas e do que lhe aconteceu. Tudo isso a destrói. Queria examinar como é possível se aproximar da santidade sem ser religioso. Ao mudar, ela muda as pessoas em torno de si. Pode-se definir um santo desta maneira: alguém que consegue modificar os outros apenas modificando-se a si mesmo.

tapas e beijos |  fonte